O Observatório Social de Balneário Camboriú (OSBC) acaba de entregar correspondência ao presidente do Legislativo Roberto Souza Junior, pedindo que determine a retirada da pauta do projeto do ‘trem da alegria’, na sessão que acontece logo mais na Câmara Municipal.

O documento assinado pelo presidente do OSBC Estácio Santos Pereira Filho, apresenta três razões que justificam, no seu entendimento, a retirada do projeto da pauta desta noite.

1 – No momento em que a nação brasileira amarga uma de suas piores crises financeira, política, moral e institucional é inadmissível que a Casa que representa essa sociedade, esteja legislando em favor de uma minoria de cidadãos que pelo fato de terem sido aprovados em concurso demonstram desconhecer e desconsiderar a situação dos demais brasileiros que sequer estão encontrando emprego;

2 – A mesa diretora da Câmara de Vereadores está legislando na contramão do que espera a população que os elegeram quando deveriam estar preocupados em reduzir despesas, cortar privilégios, racionalizar gastos e reduzir o orçamento do poder que mantém um elevado número de vereadores, assessores, motoristas, diárias, etc.

3 – Se a indignação da população já é grande em relação ao desperdício, má administração e corrupção existente na gestão dos órgãos públicos, cabe aos nossos ‘representantes’ resgatar a credibilidade dos agentes públicos perante os pagadores de impostos e a PLQ 0121/2017 ao contrário, vem reforçar e estimular ainda mais a notória e justa insatisfação da sociedade.

Fonte: Pagina 3

Comentários